terça-feira, 15 de julho de 2014

Pra vida toda

Joelhos no chão e minha oração,
Sonhos e fé.
O tempo parecia cruel, na ansiosa espera.
Antecipar momentos?
Quem me dera!
Não cabe a mim o impossível, apenas o possível.
Cabe a mim acreditar e apenas pôr a minha alma á descansar...
E por fim a lição: Ore! É melhor os joelhos feridos, do que o coração partido.